Fotografia – Lentes Rápidas

Depois de falar no fórum e em alguns comentários nas lentes rápidas, reparei que muitas pessoas ficam perplexas com a frase “lentes rápidas”….

É verdade, também fiquei curioso da primeira vez que vi esta frase. O que pode ser uma lente rápida se não existe nenhum mecanismo na lente que seja rápido?!? Embarassed

Ok, vou explicar porque o que querem dizer quando falam em lentes rápidas. Mas para isso vamos rever alguns artigos anteriores…

Os artigos em questão são a abertura fotográfica e o tempo de exposição , pois vão-nos ajudar a compreender de onde vem a velocidade.

Sabemos que a abertura compensa o tempo de exposição e vice-versa. Então destas duas qual a única que pode ser rápida….. Undecided

Pois, não foi necessário pensar muito, é verdade a única coisa que pode ser rápida é o tempo de exposição. O tempo de exposição determina a velocidade do obturador que expõe mais ou menos tempo o sensor à luz. Então aqui está o nosso factor.

Sim, mas o tempo de exposição não tem nada a ver com a lente, mas sim com o obturador que expõe o sensor, e isso fica na máquina e não na lente!!! Undecided

Voltando outra vez ao inicio, o que é que compensa e pode aumentar e diminuir o tempo de exposição?!? É verdade a abertura!! Wink

A abertura já tem a ver com a lente, e se a abertura for maior (f menor), menor é o tempo de exposição.

Então quando falamos de lentes rápidas estamos a falar de lentes que proporcionam grandes aberturas (f menores), ou seja de lentes que proporcionem aberturas tipo f2.8 até f1, se existir alguma lente com f1 (nunca vi, mas não quer dizer que não haja).Wink

Só para fazermos um teste vou usar uma das minhas lentes mais rápidas a Asahi Super-Takumar 50mm f1.4.

Esta lente pode ter uma abertura máxima de f1.4 que é muito rápida em comparação com muitas lentes normais tal como a 18-55mm da Canon que vinha com a minha máquina fotográfica, essa dava uma abertura máxima a 18mm de f3.5 que é uma abertura 2,5 vezes menor. Agora vou pegar na máquina fotográfica, passar para modo de prioridade à abertura e na mesma imagem vou alterar a abertura e ver que valores são detectados para o tempo de exposição para compensar as várias aberturas.

 

 Aberturasf1.4 f2.8f5.6
f8
 Tempo de exposição 1/1601/801/101/4

 

Antes de analisar estes dados, posso dizer que o ambiente que estou a usar não é o melhor, pois estou no escritório ás 1:00AM com luz de candeeiro, mas podem fazer este teste em pleno dia e vão chegar à mesma conclusão.

Como podem ver à medida que a abertura é maior (f menor) o tempo de exposição é menor, e isto porque quanto maior for a abertura (menor for o f) mais luz passa pela lente o que faz com que não necessitemos de ter o sensor muito tempo exposto para obter a mesma imagem…. então a velocidade do obturador é muito rápida para que tenha um menor tempo de exposição.

Ou seja se a minha lente só me permitisse ter uma abertura máxima de f5.6 então teria muitas dificuldades de tirar esta fotografia sem o auxilio de um tripé ou de algo onde pudesse fixar a máquina fotográfica, por sua vez com uma lente que me permitisse ter uma abertura de f1.4 conseguiria tirar a fotografia sem auxilio de equipamentos para estabilizar a máquina fotográfica. Mas, existe sempre um senão, pois tal com vimos na mensagem da abertura quanto maior for a abertura menos é a distancia de fundo que fica focada… tudo depende do que queremos fazer…

E assim se arranjou o termo de lentes rápidas, pois as suas grandes aberturas (f pequenos) provocam grandes velocidades do obturador.

Se tiverem alguma duvida não sejam envergonhados, perguntem. Usem a área de comentários em baixo ou mesmo o fórum.

Boas fotos e

Até já.

Acompanhe e partilhe:

4 comentários

Novo Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *